Faça seu cadastro para receber as novidades do
Leandro Lourenço no seu e-mail.
Arquivo da tag: Cardigã
Postado em: 5 de setembro de 2012 - Publicado em Camisetas, Dicas

Regata masculina com Cardigã

O cardigã até então é considerado uma peça formal por muitos homens, mas não quando você tem boa teoria sobre moda, tendo isso pode unir a regata sem qualquer problema. Claro, opte por tecidos mais leves e o deixe aberto, se pintar um sol inesperadamente pode tirar.







Regata masculina com sobreposição

Sobreposição significa alguma camisa ou agasalho em cima. Neste caso optaram por uma camisa de manga longa com detalhes do militarismo, que aliás cansei de falar sobre a tendência militar na moda para homens. O mesmo aconteceu na calça cargo e bota coturno nos detalhes militares.

Poderá substitur por camisa xadrex de manga curta ou longa, tornando uma boa alternativa também. Esse modelo é chamado de cavada.


Regata masculina com jaqueta

Não muito diferente da sobreposição, em contrapartida as jaquetas dão aquele toque rocker. Em um show ou apresentação com estampa na camiseta do seu artista favorito aliada a bandana rock, traje melhor não há. Ainda mais depois do nosso último artigo sobre bandanas.







Regata masculina com calça

Depois da bermuda é a forma mais tradicional de usá-la. Um estilo despojado que pode aperfeiçoar incluindo um chapéu fedora, gorro, óculos e acessórios do tipo braceletes, pulseiras e cordões. São incrementos poderosos num look masculino, pena poucos homens perceberem isso.






Regata com suspensório

Uma regada da cor branca super básica transformada em visual moderno e jovem. Na mesma foto há um mix entre casual, despojado, social e esporte, algo difícil de combinar mas deu certo. Sugestão ? Talvez outro calçado ficaria melhor!







Regata masculina com colete

Modelo conhecido como machão, semelhante ao fabricado pela Nike para musculação. Nesse caso foi usado com colete jeans e fica melhor em homens mais fortes ou definidos, pois são mais colados ao corpo.

Tags: , , , , , , ,
Postado em: 16 de agosto de 2012 - Publicado em Acessórios, Homem, Moda Masculina

O cardigã é uma peça injustiçada. Tem extrema relevância no guarda-roupa masculino, mas muitos o consideram coisa de vovô ou opção de moderninhos. A verdade é que sempre será um clássico – e indispensável na vida de um gentleman. Como todo bom clássico, volta e meia ganha uma modernizada ou repaginada. A cada troca de coleção há novidades: abotoamento duplo, listras ou xadrez, golas em forma de xale… No verão, as versões de algodão ou de tricô mais leve entram em campo.

Esse grande coringa vestiu Sean Connery em Os Intocáveis, que combateu a máfia com um modelo de lã cinza. David Beckham sempre vai de cardigã quando quer um visual no meio do caminho, nem tão arrumado, nem tão largadão. E Daniel Craig, que carrega a elegância de James Bond, também está aí para confirmar a relevância da peça.

Se você ainda tem dúvidas sobre como usá-lo, vamos resolver de uma vez essa questão. O cardigã substitui aquele tricô de sempre, dá graça ao look e vai bem dentro e fora do escritório. A combinação costume, cardigã, camisa e gravata tira a mesmice em dias mais frios. Fora do trabalho, combine-o com camisetas lisas e camisas casuais, com ou sem gravata, jeans ou calça de sarja. Ele resolve o problema do ar condicionado do cinema, substitui o blazer em momentos informais, deixando você alinhado. Ainda não é adepto? Comece comprando um modelo básico, cinza ou azul, que combinará com todas as suas roupas. E não esqueça, use o último botão sempre aberto.

Tags: , , ,
beagle--logo
logo8
logo7
logo6
logo4
logo3
logo1
logo2